CIDADE DO PORTO

MOSTEIRO DE
LEÇA DO BALIO

O mosteiro de Leça do Bailio representa a primeira sede da Ordem do Hospital em Portugal, e, em conjunto com a igreja, constitui uma das primeiras construções góticas do país de grande qualidade e monumentalidade.
Com alguns elementos do primeiro edifício românico, este conjunto revela uma planta em U que foi alvo de várias intervenções modernas e contemporâneas.

QUINTA DO CHANTRE

A casa foi construída por iniciativa de D. Domingues Barbosa, cónego magistral da Sé do Porto, entre 1732 e 1736, para servir de local de repouso, com projeto do arquiteto italiano Nicolau Nasoni.
Destaca-se o portão em ferro da entrada principal da quinta, através do qual não apenas se pode admirar a fachada principal do edifício, mas também uma alameda de acesso e os jardins e motivos escultóricos circundantes, reforçando assim o barroco paisagístico das obras de Nasoni.

CAPELA DE SÃO FÉLIX

Pequena capela setecentista de uma só nave de planta rectangular. O portal principal de vão rectangular é balizado por pilastras toscanas que suportam um frontão curvo interrompido, sobrepujado, sucessivamente, por uma janela envidraçada e um nicho emoldurado. No topo, apresenta um campanário, de um só vão, rematado por um frontão triangular interrompido, sobre o qual se implanta uma cruz. O interior de nave única abobadada é iluminado pela janela da fachada principal e por duas outras gradeadas rasgadas nas paredes colaterais.